Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Domingos elogia trabalho de Couceiro e promete tentar fazer mais e melhor

Logótipo de LusaLusa 23/05/2014 Gualter Ribeiro

Setúbal, 23 mai (Lusa) - O treinador de futebol Domingos Paciência afirmou hoje, na apresentação como novo técnico do Vitória de Setúbal, que vai procurar "fazer mais e melhor" com a equipa sadina, sétima classificada lugar na Liga de 2013/2014.

"Queremos uma equipa que jogue bom futebol, ganhe jogos e consiga alcançar os objetivos", disse o novo técnico do Vitória de Setúbal, que sucede no cargo a José Couceiro, acrescentando que "o sétimo lugar é um bom lugar, sinal de que aquilo que foi feito foi bom".

Domingos Paciência, que assegurou não temer a responsabilidade face à boa prestação da equipa sadina no último campeonato, garantiu ainda que vai estar atento à formação do clube, reconhecendo que, em tempo de grandes dificuldades, é importante apostar nos jovens para que sejam ativos do clube.

O presidente do Vitória de Setúbal, Fernando Oliveira, elogiou o percurso de Domingos Paciência, lembrando que se trata de um treinador que, há pouco tempo, foi considerado o "nono melhor treinador do Mundo".

"A encruzilhada dos últimos quatro anos não foi fácil, foi difícil, mas conseguimos levar a nau a bom porto, com um entusiasmo, um entusiasmo consciente. E fomos capazes de contratar um treinador que já foi considerado o nono melhor do Mundo. Não é um treinador qualquer", disse Fernando Oliveira perante dezenas de associados que fizeram questão de saudar e aplaudir o novo técnico sadino.

Domingos Paciência iniciou a carreira de treinador nas camadas jovens e na equipa B do FC Porto, tendo representado posteriormente a União de Leiria e a Académica de Coimbra, equipa na qual conseguiu obter um sétimo lugar na época de 2008/2009.

No comando técnico do Sporting de Braga, Domingos Paciência conseguiu um segundo lugar e o consequente apuramento da equipa bracarense para a Liga dos Campeões Europeus.

Na época seguinte, a equipa do Sporting de Braga foi relegada para a Liga Europa, competição em que conseguiu chegar à final, mas acabou por perder o troféu para o FC Porto.

Na época 2011/2012, Domingos Paciência assumiu o comando técnico do Sporting, mas acabou por ser afastado em fevereiro de 2012, após uma derrota com o Marítimo.

Depois do Sporting, último clube português que representou, Domingos Paciência passou pelo Deportivo da Corunha (Espanha) e pelo Kayserispor (Turquia), regressando agora ao futebol português para comandar a equipa do Vitória de Setúbal.

GR // VR

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon