Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Domingos Paciência faz as contas ao título nacional

Logótipo de O Jogo O Jogo 04/04/2017 Carlos Gouveia

Treinador considera que está tudo em aberto, elogia Soares e diz que o Sporting "joga por fora" no campeonato

Presente no fórum de treinadores que está a decorrer no Pavilhão Multiusos de Gondomar, Domingos Paciência fez uma análise à luta pelo título, considerou que o Sporting está a "jogar por fora", elogiou Jorge Jesus e Fernando Santos e apontou Soares como o ponta de lança que mais admira no futebol português.

Sobre a luta pelo título, Domingos considerou estar tudo em aberto. "Este jogo poderia dar mais confiança a uma das equipas, mas a verdade é que o empate deixa tudo em aberto. Para o FC Porto, jogando fora, o empate acaba por ser um bom resultado, embora a vitória fosse melhor. O Benfica fica a depender dele e o FC Porto a depender dos possíveis amigos que possam ajudar no resultado para passar para a frente. Penso que as duas equipas saíram confiantes do clássico", referiu.

Em duas jornadas, o Sporting ganhou quatro pontos aos rivais, mas Domingos acha difícil que os leões ainda possam chegar ao primeiro lugar. "O Sporting joga por fora. A aproximação é boa e ainda há um dérbi... Esse jogo pode ter muita influência não só no campeonato do Sporting como no campeonato em si. Há uma luz ao fundo do túnel que pode voltar a animar o clube", considerou.

© Fornecido por O jogo

Mais complicado é prever onde é que Benfica e FC Porto poderão perder pontos nas jornadas que faltam. "É difícil que isso possa acontecer, mas também ninguém previu que o Benfica perdesse pontos em Paços de Ferreira e o FC Porto em casa com o V. Setúbal. Há jogos mais difíceis do que outros. Mas por vezes onde se pensa que vão perder pontos é onde passam com maior facilidade", atirou.

Antigo avançado do FC Porto, por quem marcou 105 golos só no campeonato, Domingos revelou qual o avançado que lhe enche as medidas em Portugal. "Acho o Soares um jogador muito interessante, apesar de não ser um ponta de lança com as mesmas características que eu. E também gosto do André Silva. E não digo isto por serem jogadores do FC Porto. O Bas Dost é mais finalizador e é muito bom em termos aéreos. O Mitroglou está a fazer golos, mas é daqueles jogadores que se não fizer parece que nunca esteve em jogo", referiu.

A terminar, elogios para Jorge Jesus e Fernando Santos, homenageados no fóru,. O primeiro por ter ultrapassado os 500 jogos no campeonato, o segundo pelo título europeu e pela carreira. "São treinadores que são referências para nós mais novos. Acho que nem metade de 500 jogos tenho [são 174], mas gostaria de os atingir. É um sinal de grande consistência do treinador e merece ser homenageado. O Fernando Santos deu-nos uma alegria que muitos jamais pensariam ser possível. Também é mais do que justo. Até pelo perfil que tem, vai ter muitos seguidores porque sabe estar, tem princípios e cativa", concluiu.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon