Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Dortmund vence Taça da Alemanha

Logótipo de O Jogo O Jogo 27/05/2017 Alcides Freire

A equipa onde atua o português Raphael Guerreiro bateu o Eintracht Frankfurt, na final da prova.

O Borussia Dortmund venceu o Eintracht Frankfurt por 2-1, na final da Taça da Alemanha, e conquistou o troféu pela quarta vez na sua história.

Com Raphael Guerreiro no "onze", a equipa de Thomas Tuchel marcou primeiro, por Ousmane Dembelé, aos oito minutos, com o Frankfurt a empatar por Rebic, aos 29', e Aubameyang a fazer o golo decisivo, de penálti, aos 67'.

O Dortmund venceu a competição pela quarta vez, sendo que a última tinha sido em 2012, e foi derrotado em cinco finais, enquanto o Frankfurt, de Niko Kovac, que tem quatro vitórias na prova, somou a terceira derrota em jogos decisivos.

A equipa de Tuchel vingou as últimas três finais da competição, em que terminou sempre como finalista vencido, duas vezes frente ao Bayern e outra com o Wolfsburgo. O Frankfurt não vence a competição desde 1988.

No estádio olímpico de Berlim, o Frankfurt podia ter feito mais golos durante a primeira parte, em que foi superior, aproveitando um erro defensivo depois do tento inaugural de Dembelé, com Gacinovic a desmarcar Rebic para o golo do empate.

Na segunda parte, o Dortmund pressionou o 11.º classificado da 'Bundesliga', conquistada pelo Bayern, e conseguiu criar mais oportunidades de golo.

© Fornecido por O jogo

Aos 63 minutos, um pontapé de bicicleta de Aubameyang, depois de grande trabalho individual de Dembelé, foi parar à barra, graças à intervenção em cima da linha de Marco Fabian.

Raphael Guerreiro foi um dos jogadores mais destacados do terceiro classificado da liga alemã, ao desmarcar Pulisic na área, com o norte-americano a ser derrubado pelo guarda-redes Hradecky para a grande penalidade que resultou no 2-1 final.

Daí para a frente, o Frankfurt pressionou o adversário, procurando forçar o prolongamento, mas o adversário do Benfica nos oitavos e do Sporting na fase de grupos da Liga dos Campeões segurou a vantagem, com Aubameyang a rematar à barra nos minutos finais depois de uma jogada de contra-ataque.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon