Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Eleições no Braga: dia decisivo para Salvador e Peixoto

Logótipo de O Jogo O Jogo 27/05/2017 Hugo Monteiro

Salvador recandidata-se a um sexto mandato com a Cidade Desportiva e a ambição de ser campeão como trunfos eleitorais; Peixoto estreia-se com o objetivo de aproximar o clube dos adeptos.

São 10 512 sócios do Braga que podem votar este sábado para eleger o próximo presidente do clube: António Salvador, candidato pela Lista A, e António Pedro Peixoto, que encabeça a Lista B, concorrem às eleições que vão decidir quem vai dirigir os destinos do Braga durante os próximos quatro anos. O ato eleitoral vai decorrer no Estádio Municipal, sendo que a entrada dos sócios será feita através do Parque 1. O clube informou ainda que disponibilizará transporte contínuo para os sócios a partir do Campo da Vinha, junto ao Largo Conde de Agrolongo, sendo que os associados que optem por transporte próprio devem estacionar na Alameda do Estádio. O Braga anunciou também que será obrigatória a apresentação da quota de abril 2017 regularizada para os sócios terem o direito de exercer o seu voto.

As urnas vão abrir às 10h00, encerrando às 19h00, sabendo-se que António Salvador tem agendada a sua presença no estádio, para votar, a partir das 11h30, enquanto António Pedro Peixoto anunciou a intenção de se deslocar até às mesas de voto cerca de meia hora depois, por volta das 12h00. De entre os atuais 10 512 votantes, 6259 têm direito a 10 votos, 2675 com cinco e 1578 com apenas um, numa divisão feita em função dos anos de sócio de cada um.

© Miguel Pereira/Global Imagens

Nas últimas eleições, as mais participadas da história do clube, realizadas em dezembro de 2013, votaram 3080 sócios, num universo de 17 500 eleitores, com António Salvador a obter 85,7% dos votos, contra 14,3% de Nuno Carvalho. António Salvador, que comanda os destinos do clube desde 2003, recandidata-se a um sexto mandato, enquanto António Pedro Peixoto, advogado e ex-guarda-redes de futsal do Braga, estreia-se nestas lutas eleitorais.

A inauguração da Cidade Desportiva e a ambição de ser campeão nos próximos quatro anos são os principais trunfos do atual presidente, que conta com a oposição de Peixoto, um candidato apostado em "melhorar a relação entre os sócios, a cidade e o clube". Duas visões detalhadas na página aqui ao lado, através de depoimentos dos candidatos sobre os temas que mais interessam aos sócios do Braga, um interessante frente a frente.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon