Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Emílio Peixe: "Futebol português pode estar descansado"

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/06/2017 Alcides Freire

Emílio Peixe, selecionador português sub-20, realça a atitude dos jogadores no Mundial e adivinha um futuro risonho.

© JEON HEON-KYUN/EPA

A seleção sub-20 regressou esta terça-feira a Portugal com o sentimento de dever cumprido, mas também com alguma mágoa por não ter passado os quartos de final do Mundial da categoria. "Creio que o balanço tem de ser positivo, tendo em conta os fortes adversários que encontrámos. Os jogadores foram uns heróis e é de salientar a estrutura de apoio, que foi muito competente", referiu Emílio Peixe, lamentando a derrota nas grandes penalidades contra o Uruguai.

"Para chegarmos aos penáltis com o Uruguai tivemos de ser mais fortes na fase de qualificação e nos oitavos de final, contra o anfitrião (Coreia do Sul). Na minha opinião, fomos sempre melhores do que os adversários, mas em alguns jogos não materializámos as oportunidades criadas. No jogo com a Coreia e Uruguai ficou bem patente a qualidade dos nossos jogadores. Temos de estar orgulhosos e satisfeitos com o percurso", continuou o selecionador.

"Sentimos que naquele jogo com o Uruguai conseguimos neutralizar um candidato ao título, uma equipa recheada de jogadores muito fortes do ponto de vista individual. Conseguimos ser superiores e merecíamos outro resultado", lamentou, adivinhando um futuro risonho com estes jogadores.

"Saímos mais fortes e valorizados. O futebol português pode estar descansado, porque vai ter mais e melhores jogadores no futuro", vincou Emílio Peixe.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon