Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Escola Superior de Jornalismo do Porto relança-se com três pós-graduções

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/10/2017 Administrator

A Escola Superior de Jornalismo (ESJ), no Porto, relança-se este ano letivo com "ambição renovada" e três pós-graduações nas áreas do marketing e comunicação, revelou hoje à Lusa João Paulo Meneses, dos corpos sociais da instituição.

Criada em 1985, e conhecida como "Escola de Jornalismo do Porto", a ESJ foi integrada na Universidade do Porto no início do século XX, o que deixou a cooperativa parada durante mais de uma década, mas, em 2016, "uma nova equipa comprou as quotas aos cooperantes anteriores e deu uma nova vida" ao estabelecimento de ensino, explicou o jornalista e docente João Paulo Meneses.

O ano letivo anterior foi de "aprendizagem" e "sucesso", pelo que a intenção agora é "relançar a escola com três pós-graduações", em Assessoria de Comunicação, Marketing e Relações Públicas, em Gestão e Comunicação nas Organizações de Economia Social e em Gestão e Marketing em Turismo, acrescentou o responsável.

Os três cursos devem começar "em meados de novembro" e durar "cerca de cinco meses", tendo como pré-requisitos uma licenciatura ou muita experiência na área.

"No ano letivo de 2016/2017 fizemos uma conferência digital, pequenos cursos de verão e lançámos a pós-gradução em Assessoria de Comunicação, que teve as 14 vagas existentes preenchidas", descreveu João Paulo Meneses.

"Este ano vamos lançar duas novas pós-graduções para perceber a recetividade do mercado", acresentou.

De acordo com o docente, a ESJ não será "uma escola de jornalismo, como foi antigamente", mas mantém as três perspetivas da "assessoria/relações públicas, do jornalismo e de marketing".

Quanto aos cursos de verão, manter-se-ão como tal, em julho e agosto, e são dedicados a "competências específicas", como "falar em público" ou "comunicação e redes sociais".

A ESJ teve como fundadores sete jornalistas e quatro professores universitários e, tendo sido oficialmente reconhecida pelo Ministério da Educação em 28 de junho de 1986, é a mais antiga escola portuguesa de jornalismo e pelas suas salas passaram mais de 1.500 estudantes.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon