Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Espanha/Ataques: Taxistas de Barcelona buzinam Rambla abaixo e recebem aplauso da multidão

Logótipo de O Jogo O Jogo 19/08/2017 Administrator

Buzinaram Rambla abaixo em memória das vítimas do atentado de quinta-feira e a cidade agradeceu-lhes com um sonoro aplauso. Centenas de taxistas Barcelona fizeram hoje a sua homenagem.

"Quisemos fazer uma homenagem às vítimas e a todos os corpos de emergência, a todos os cidadãos que atuaram solidariamente, que são anónimos e que ajudaram as vítimas", disse à Lusa o porta-voz do coletivo Elite Taxis, Alberto Alvarez.

Com a voz elevada para se sobrepor ao enorme buzinão, Marta, barcelonesa de 49 anos, explicava porque aplaudia efusivamente.

"Durante o atentado, os taxistas estiveram a ajudar, a levar as pessoas sem cobrar. Hoje a cidade faz-lhes um agradecimento", explicava a educadora social.

Ao longo de toda a Rambla, os táxis sucediam-se, num buzinão constante, braços de fora das janelas, a acenar, e a população que circulava no centro pedonal da via ia-se aproximando para aplaudir.

Junto ao local onde terminou o atentado de quinta-feira, que matou 13 pessoas, o taxista marroquino Mohamed Ketrani, de 54 anos, explicava que tinha aderido à iniciativa "para apoiar as pessoas, para que se animem", porque acredita que é preciso seguir em frente.

O porta-voz Alberto Alvarez, que estimou em 1.500 a 2.000 os táxis participantes, concorda: "Os terroristas o que querem é que tenhamos medo, que estejamos sempre com isso na cabeça. Nós dissemos que não. Deixámos passar um tempo prudencial para fazer este ato e agora é seguir a vida normal".

A lista de vítimas mortais do ataque em Barcelona inclui duas portuguesas, uma mulher de 74 anos, residente em Lisboa, e a sua neta, de 20.

FPA

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon