Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Esteve difícil, mas Portugal acabou a sorrir frente à Hungria

Logótipo de O Jogo O Jogo 03/09/2017 Hugo M. Monteiro

Uma primeira parte com ânimos exaltados levou a uma expulsão à meia hora de jogo.

Portugal venceu este domingo a Hungria por 1-0, com André Silva a apontar o único golo da partida.

O jogo começou quente, com várias faltas e um cartão vermelho à meia hora de jogo: Priskin deu uma cotovelada a Pepe nas barbas do árbitro Danny Makkelie, que não hesitou em expulsar o avançado húngaro. Minutos antes, uma lesão de Fábio Coentrão obrigou Fernando Santos a fazer entrar Eliseu, naquela que foi a primeira contrariedade do jogo para Portugal.

© Fornecido por O jogo

O primeiro golo do jogo surgiu pouco depois do arranque da segunda parte, com André Silva a responder da melhor forma ao cruzamento de Ronaldo. O avançado português, que já completou um ano ao serviço da Seleção, apontou de cabeça o seu nono golo em 15 jogos por Portugal.

Com esta vitória, Portugal e Suíça, que também venceu a Letónia esta noite, asseguram os dois primeiros lugares do Grupo B, sendo que a próxima jornada definirá o primeiro e segundo classificado do grupo. Recorde-se que o primeiro lugar dá passagem direta à fase de grupos do Mundial'2018, enquanto o segundo classificado apura-se para o play-off.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon