Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

EUA impõem sanções a oito bancos e 26 cidadãos da Coreia do Norte

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/09/2017 Administrator

Os Estados Unidos anunciaram hoje a imposição de sanções a oito bancos e 26 cidadãos norte-coreanos acusados de alimentar financeiramente o desenvolvimento do programa nuclear da Coreia do Norte.

"O nosso alvo são bancos norte-coreanos e facilitadores de financiamento que representam os bancos norte-coreanos em todo o mundo", comentou o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, sublinhando a estratégia norte-americana de "isolamento total" da Coreia do Norte para obter a desnuclearização da península coreana.

O Tesouro norte-americano precisou, em comunicado, que "os indivíduos hoje sancionados são cidadãos norte-coreanos que operam na China, na Rússia, na Líbia e nos Emirados Árabes Unidos na sua qualidade de representantes de bancos norte-coreanos" nesses países.

"Em consequência da decisão de hoje, todos os bens e interesses das pessoas em causa serão bloqueados ou ficarão sob controlo dos Estados Unidos", indicou a mesma fonte.

Entre os bancos visados, figuram o Agricultural Development Bank, a Hana Banking Corporation, o International Industrial Development Bank e o Jinmyong Joint Bank.

Este anúncio surge menos de uma semana depois de os Estados Unidos terem reforçado o arsenal de sanções económicas contra pessoas e empresas acusadas de contribuir para o programa militar norte-coreano.

Na quinta-feira passada, a Casa Branca alargou o âmbito de potenciais sanções e decidiu igualmente impor uma proibição de escala de 180 dias nos Estados Unidos a navios e aviões que se tivessem deslocado à Coreia do Norte.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon