Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Ex-presidente do Barcelona deve ir a tribunal ainda esta quarta-feira

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/05/2017 Hugo M. Monteiro

Sandro Rosell foi detido no âmbito de um caso de alegado branqueamento de capitais.

O ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell irá a tribunal esta quarta-feira à tarde, depois de ter sido detido na terça-feira e interrogado pela polícia, no âmbito de um caso de um alegado branqueamento de capitais.

Citando fontes próximas do caso, a agência noticiosa EFE refere que Rosell e os três homens que foram detidos juntamente com ele prestaram hoje declarações à polícia na presença dos seus advogados.

© EPA/Alejandro Garcia

O antigo dirigente foi detido em Barcelona, juntamente com outras quatro pessoas, no âmbito de uma operação conjunta da Polícia Nacional e Guarda Civil contra o branqueamento de capitais. Segundo as mesmas fontes, estão a ser efetuadas buscas na residência e no escritório da empresa de Rosell, em Barcelona.

A investigação foi iniciada pela cobrança de comissões ilícitas pelos direitos audiovisuais da seleção brasileira de futebol, que eram depois branqueadas através de empresas em paraísos fiscais.

As fontes da EFE identificam Rosell e o ex-presidente da Federação Brasileira de Futebol Ricardo Teixeira como líderes do esquema.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon