Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Fórum de Economia de Turismo Global de Macau aposta na Europa central e de leste

Logótipo de O Jogo O Jogo 04/10/2017 Administrator

A 6.ª edição do Fórum de Economia de Turismo Global de Macau, que decorre nos dias 16 e 17, vai incidir na cooperação com 16 países da Europa central e de leste, que estarão representados a nível ministerial.

A edição deste ano será subordinada ao tema "Colaboração Regional para um Futuro Melhor" e além de se centrar sobre a iniciativa chinesa "Uma Faixa, Uma Rota", vai focar-se na chamada cooperação "16+1", que inclui 16 países da Europa central e de leste e a província chinesa de Guizhou, foi hoje anunciado.

"Com o forte crescimento do número de visitantes chineses aos países da Europa central e de leste nos últimos anos, a China e os países da Europa central e de leste criaram uma organização oficial para facilitar a crescente cooperação turística", disse hoje a secretária-geral do Fórum, Pansy Ho, em conferência de imprensa.

"Este ano incluímos 16 países da Europa central e de leste que não são muito conhecidos no Extremo Oriente, alguns deles nem eu visitei. Achámos que era uma boa oportunidade. São todos muito próximos uns dos outros e não são muito grandes, têm experiência em oferecer pacotes turísticos combinados", acrescentou, explicando que podem representar um bom exemplo para Macau.

Alguns destes países vão estar representados a nível ministerial, como a Hungria, através do Ministro do Turismo, e a Bósnia-Herzegovina. O fórum vai também contar com a presença do secretário-geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Taleb Rifai. No entanto, nenhum representante português virá para esta edição, ao contrário do que já aconteceu em anos anteriores.

Estes representantes vão participar nas sessões "Frente a frente entre ministros e líderes do setor privado", uma das iniciativas do Fórum, que este ano, segundo a organização, vai contar com "o maior painel de oradores de sempre", 169 de 50 países.

Durante o fórum será também apresentada pela OMT a quarta edição do "Relatório sobre tendências do turismo da Ásia".

A 6.ª edição do Fórum de Economia de Turismo Global de Macau tem um orçamento de 46 milhões de patacas (4,9 milhões de euros), dos quais 24,2 milhões (2,6 milhões euros) são da responsabilidade da Direção de Serviços de Turismo, ficando o restante valor a cargo de patrocinadores.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon