Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Famalicão vence em Barcelos e evita play-off

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/05/2017 Ana Proença

O Famalicão venceu este domingo o Gil Vicente por 2-0 e conseguiu evitar o play-off de permanência na II Liga graças à derrota do Cova da Piedade em Viseu.

David Cunha, de grande penalidade, inaugurou o marcador, aos 65 minutos, para os visitantes, tendo Kisley, aos 80, estabelecido o resultado final.

Apoiados por uma numerosa falange de apoio, que encheu a parte superior da bancada sul, os visitantes entraram determinados e dispostos a vencer, mas os gilistas, mais tranquilos, foram controlando o ritmo lento da partida.

Na primeira parte, não apareceram lances de perigo eminente em qualquer das áreas, apenas um ou outro remate intencional, mas sem a direção pretendida, pelo que o nulo verificado ao intervalo se justificava.

© Gonçalo Delgado/Global Imagens

O Famalicão entrou na segunda parte a pressionar a área de Vozinha e o guarda-redes gilista teve mesmo que se aplicar para negar o golo a Lima, aos 46 minutos, e a Dani, aos 53.

Aos 65 minutos, Calu derrubou Mendes dentro da área e o árbitro não teve dúvidas em apontar a marca de grande penalidade, que David Cunha aproveitou para colocar os famalicenses em vantagem.

O domínio dos forasteiros acentuou-se e, aos 79 minutos, Kisley entrou na partida para o lugar de Mendes e, na segunda vez que tocou na bola, marcou o segundo golo e sentenciou o desfecho da partida.

Jogo no estádio Cidade de Barcelos.

Gil Vicente - Famalicão, 0-2.

Ao intervalo: 0--0.

Marcadores:

0-1, Diogo Cunha, 65 (grande penalidade).

0-2, Kisley, 80.

Equipas:

- Gil Vicente: Vozinha, Ricardinho (Reco, 79), Sandro, Luiz Eduardo, Henrique, Dybal (Noubissi, 68), Calu, Pedro Lemos, Hugo Firmino, Paulinho e Pedro Marques (Abou Toure, 62).

Suplentes: Ivan, Yan Víctor, Floro, João Pedro, Noubissi e Abou Toure. Treinador: Álvaro Magalhães.

Famalicão: Gabriel, Ângelo, Daniel, Nuno Diogo, Jorge Miguel, Vítor Lima, Fred (Diogo Cunha, 62), Mércio, Feliz, Chico (Carlão, 62) e Mendes (Kisley, 79).

Suplentes: Efremov, Diogo Cunha, Gevaro, Joel, Quichini, Carlão e Krisley. Treinador: Dito.

Árbitro: João Mendes (Santarém).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Abou Toure (82 e 85) e Paulinho (85). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos, para Abou Toure (85).

Espectadores: Cerca de 4.000.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon