Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

FC Porto atrasa-se em véspera de receber o líder Benfica

Logótipo de LusaLusa 29/10/2016 Ana Marques Gonçalves
MIGUEL A. LOPES/LUSA © LUSA / MIGUEL A. LOPES MIGUEL A. LOPES/LUSA

Redação, 29 out (Lusa) – O FC Porto perdeu hoje o ‘comboio’ da liderança, ao empatar a zero com o Vitória de Setúbal, no Bonfim, estando agora a cinco pontos do Benfica, na antessala do ‘clássico’ da I Liga de futebol no Dragão.

Depois de o Benfica ter vencido o Paços de Ferreira (3-0) na sexta-feira, os portistas precisavam de sair com uma vitória do Bonfim para reporem em três os pontos a diferença para o primeiro lugar, que tinham antes do início da nona jornada, mas fracassaram na sua missão.

Aquilo que parecia uma tarefa fácil - ou não datasse de 06 de outubro de 1997 a última vez que o FC Porto saiu do Bonfim sem os três pontos -, complicou-se, com os visitantes a somarem apenas um ponto, já depois de o árbitro ter anulado um golo ao setubalense Fábio Cardoso, por fora de jogo, aos 78 minutos.

A equipa orientada por Nuno Espírito Santo, que vinha de três triunfos consecutivos, perdeu pontos fora pela terceira vez, depois da derrota por 2-1 com o Sporting e do empate a zero em Tondela, precisamente antes de receber o Benfica.

Os ‘dragões’ passaram a somar 20 pontos, menos cinco do que o Benfica, que visita o Dragão na próxima jornada, e mais dois do que o terceiro classificado, o Sporting (0-0 no reduto do Nacional, na sexta-feira), enquanto o Vitória de Setúbal subiu ao oitavo lugar, com os mesmos 10 pontos do que Marítimo, Feirense, que ainda não jogaram, e Boavista.

Noutro jogo morno, a formação 'axadrezada' e o Estoril-Praia selaram o terceiro empate sem golos da jornada no Estádio do Bessa, no Porto.

Sem golos para contar a história, é na tabela classificativa que se notam as diferenças, já que o Boavista, com 10 pontos, fica no nono lugar, enquanto os ‘canarinhos’ seguem agora no 16.º, com oito, os mesmos de Nacional e Moreirense, que hoje foi melhor na ‘batalha’ entre aflitos, ao vencer o Tondela por 2-1.

Os de Moreira de Cónegos esqueceram-se do ‘fator casa’ e logo aos seis minutos inauguraram o marcador, por intermédio de Podence. No entanto, o Tondela não tardou em reagir, com Wagner a empatar aos 18 minutos.

Quando o empate parecia ser o desfecho mais certo desta luta particular, Boateng descobriu o caminho da baliza e fez o 2-1, aos 87 minutos, para o Moreirense, que assim subiu ao 15.º lugar da I Liga.

Com este resultado, o Moreirense passou a somar oito pontos, deixando o Arouca provisoriamente sozinho no último lugar, com cinco, enquanto o Tondela manteve-se com seis, ficando abaixo da ‘linha de água’, no 17.º posto.

AMG (PFO) // PFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon