Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Fernando Pimenta: "Medalhas abrem boas perspetivas"

Sportinveste 05/05/2014 Fonte: Sportinveste Multimédia
Fernando Pimenta e Emanuel Silva de bronze © Sportinveste Multimédia Fernando Pimenta e Emanuel Silva de bronze

Atleta de Ponte de Lima conquistou três pódios na I Taça de Mundo de canoagem.

Fernando Pimenta manifestou-se esta segunda-feira "extremamente satisfeito" com as três medalhas obtidas na I Taça do Mundo de canoagem, em Milão, acreditando que os resultados traduzem "boas perspetivas para o futuro".

"A Taça do Mundo foi bastante participada. Dos finalistas do campeonato do Mundo em K1 1.000 só não esteve um. De resto, todos os medalhados e finalistas. Também houve bastante nível em K2 500 e K1 5.000. Estou bastante contente, pois estas medalhas abrem boas perspetivas para o futuro", disse.

Em declarações à agência Lusa, Pimenta defende que os três pódios -- em K2 500, com o companheiro vice-campeão olímpico Emanuel Silva -- provam que está "num bom nível, no bom caminho": "Agora é continuar o trabalho todos os dias. Chegar a agosto e estar na máxima forma nos Mundiais".

"Realmente foi um início de época bastante prometedor. Logo três medalhas no arranque internacional, uma em distância olímpica com o Fernando Pimenta em K1 1.000 e saudar também o regresso do K2 vice-campeão olímpico numa distancia K2 500, na qual em 2013 fomos campeões do Mundo", referiu o presidente da federação.

Vítor Félix lamentou a ausência do campeão do Mundo João Ribeiro (K2 500 com Emanuel Silva) e assumiu a aposta em diversas "experiências em 2014 para que em 2015 a seleção possa atacar o apuramento olímpico com a equipa certa".

O técnico nacional Hélio Lucas frisou que "o objetivo máximo da época são os Mundiais", em agosto na Rússia: "Mesmo que isso signifique abdicar de um resultado excelente nos Europeus [julho, na Alemanha], pois num mês pode-se perder a melhor forma e a ideia é estar ao máximo em Moscovo".

O treinador acredita que João Ribeiro "vai estar em plena forma nos mundiais" e com isso abrir o leque de opções da equipa masculina, que idealmente competirá em K1, K2 e K4.

Fonte: OJOGO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon