Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Fernando Santos tira André Silva e aposta em Quaresma

Logótipo de LusaLusa 18/06/2017

Kazan, Rússia, 18 jun (Lusa) - A ausência de André Silva e a inclusão de Ricardo Quaresma no seu lugar é grande surpresa da equipa titular que Portugal vai apresentar hoje frente ao México, na estreia na Taça das Confederações de futebol.

O selecionador nacional, Fernando Santos, optou por deixar o novo avançado do AC Milan no banco, desfazendo a dupla que fazia com Cristiano Ronaldo, e apostou no extremo do Besiktas, num jogo em que Portugal se deverá apresentar num 4-3-3.

André Silva vem de um registo de três jogos consecutivos a marcar e leva pela seleção nacional um total de sete golos em oito jogos.

Quaresma e Nani, outro regresso, deverão atuar nas alas do ataque da formação lusa, enquanto Cristiano Ronaldo irá ser aparecer no meio.

Como era esperado, Pepe vai regressar ao centro da defesa, para fazer dupla com José Fonte, enquanto Cedric Soares será o lateral direito e Raphael Guerreiro vai atuar na esquerda.

Na baliza vai estar Rui Patrício, o habitual ‘dono da redes’ de Portugal, que vai somar a sua 60.ª internacionalização pela seleção nacional.

No meio campo, tudo igual em relação ao jogo com a Letónia (3-0), com William Carvalho a fazer o papel de médio mais recuado, atrás de João Moutinho e André Gomes.

Na equipa titular do México, destaque para as presenças de Miguel Layun e Hector Herrera, do FC Porto, e Raul Jiménez, do Benfica.

Inácio Rosa/LUSA © LUSA / Inácio Rosa Inácio Rosa/LUSA

O Portugal-México está agendado para as 18:00 (16:00 horas de Lisboa) e terá arbitragem do argentino Néstor Pitana.

LG // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon