Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

FIFA deve substituir Taça das Confederações por novo Mundial de clubes

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/05/2017 Alcides Freire

A confirmar-se a intenção do organismo que rege o futebol mundial, Portugal terá uma oportunidade única para conquista o troféu.

© REUTERS

A edição deste ano da Taça das Confederações deve mesmo ser a última. De acordo com o diário AS, a FIFA está a considerar seriamente substituir a prova de seleções por um novo modelo do Mundial de Clubes, que passaria a ser disputado por 16 ou 24 equipas.

O novo torneio, que voltaria a chamar-se Taça Intercontinental, seria jogado de duas em duas épocas, sempre no ano anterior à realização do Mundial ou do Europeu, e contaria com a participação dos dois últimos vencedores da Liga dos Campeões, Liga Europa, Taça Libertadores e, possivelmente, dos finalistas vencidos de cada uma das três provas. Os outros lugares seriam distribuídos pelos vencedores continentais de Ásia, África, América do Norte e Oceânia.

A confirmar-se a mudança, Portugal terá, na Rússia, uma oportunidade única de arrebatar a Taça das Confederações.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon