Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

FIFA permite ao Kosovo nove 'reforços' de outras seleções

Logótipo de LusaLusa 05/09/2016 Rui Baptista
FRANK RUMPENHORST/DPA © EPA / FRANK RUMPENHORST FRANK RUMPENHORST/DPA

Pristina, 05 set (Lusa) – A FIFA permitiu hoje a nove futebolistas que já jogaram por outras seleções representar agora o Kosovo, horas antes do seu primeiro desafio numa prova de apuramento para o Campeonato do Mundo de 2018, na Rússia.

Fanol Perdedaj, Bersant Celina, Hekuran Kryeziu, Albert Bunjaku, Enis Alushi, Sinan Bytyçi, Vedat Muriç, Erton Fejzullahu e Elbasan Rashani são os atletas que já representaram outras seleções e agora vão poder jogar pelo Kosovo.

Atualmente, há 24 jogadores com raízes no Kosovo a competir por outras seis seleções, a maior parte pela Albânia, que já lamentou a ‘deserção’ de quatro elementos que a representaram no Euro2016 vencido por Portugal.

De acordo com as regras da FIFA, ninguém que tenha representado outra equipa nacional pode fazer a troca, porém estes atletas pediram, individualmente, essa permissão em favor do 210.º membro da instituição que gere o futebol mundial.

O país balcânico declarou a independência da Sérvia em 2008, ato reconhecido por cerca de 100 países, entre os quais não está a Rússia.

A Sérvia opôs-se veementemente à admissão do país à FIFA, algo que aconteceu pouco depois da UEFA ter aprovado a sua adesão.

No apuramento para o Mundial2018 da Rússia, o Kosovo integra o Grupo I, juntamente com Finlândia, Croácia, Islândia, Ucrânia e Turquia.

A seleção kosovar estreia-se hoje na fase de apuramento europeia na Finlândia.

RBA // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon