Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Filme de Inês de Lima Torres integra competição de estudantes em San Sebastian

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/08/2017 Administrator

A curta-metragem "De madrugada", da realizadora portuguesa Inês de Lima Torres, foi selecionada para a competição de cinema de escola no Festival Internacional de San Sebastian, em setembro em Espanha.

De acordo com a organização, o filme integra a competição do Encontro Internacional de Cinema de Estudantes, um programa paralelo do festival espanhol e que tem como objetivo apostar "na próxima geração de realizadores".

O encontro acontecerá no centro cultural Tabakalera entre 25 e 29 de setembro, durante o festival de San Sebastian, e será atribuído um prémio no valor de cinco mil euros.

"De madrugada", produzido pela Escola Superior de Teatro e Cinema, é a primeira ficção de Inês de Lima Torres. Em 2015 fez a curta documental "Esta terra não é minha".

Este ano, a realizadora apresentou "De madrugada" na competição do IndieLisboa e no Curtas de Vila de Conde.

Para a competição de escolas foram ainda selecionados outros 13 filmes entre mais de 200 submetidos por 45 países.

Além da competição, o encontro de estudantes contará ainda com um programa de 'masterclasses' e encontros com profissionais do setor, nomeadamente com os realizadores Todd Haynes, José Luis Torres Leiva e Nobuhiro Suwa.

O festival de San Sebastian cumprirá a 65.ª edição de 22 a 30 de setembro.

Da programação já anunciada, sabe-se que os filmes portugueses "Spell Reel", de Filipa César, e "Flores", de Jorge Jácome, estarão em competição na secção Zabaltegi-Tabakalera, com um valor monetário de 20 mil euros.

A abertura do festival é garantida com o filme "Submergence", do realizador alemão Wim Wenders.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon