Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Final da Champions para 380 milhões de espetadores

Sportinveste 28/05/2014 Fonte: Sportinveste Multimédia
Final da Champions para 380 milhões de espetadores © Sportinveste Multimédia Final da Champions para 380 milhões de espetadores

Dois clubes da mesma cidade foram o centro das atenções no sábado à noite durante a emotiva final da UEFA Champions League, que atraiu centenas de milhões de adeptos aos ecrãs de televisão e às redes sociais.

O evento desportivo anual mais visto a nível mundial foi transmitido para mais de 200 países, com audiência global estimada em cerca de 165 milhões de pessoas (e uma exposição global projectada de 380 milhões de espectadores) para verem o Real Madrid CF dar a volta ao resultado e derrotar o Club Atlético de Madrid, por 4-1, após prolongamento.

Os adeptos presentes no Estádio do Sport Lisboa e Benfica vibraram durante 120 minutos e o mesmo aconteceu a quem viu o encontro em Espanha, onde esta final da UEFA Champions League se tornou na mais vista de sempre e no programa televisivo com mais audiência desde que a selecção espanhola ganhou o UEFA EURO 2012.

O desafio decisivo realizou-se no último dos 15 dias de jogos do calendário da UEFA Champions League e todos acabaram por ser extremamente populares junto dos adeptos, gerando audiências globais entre 112 e 200 milhões de telespectadores ao longo das transmissões em directo.

A competição continua a ser coberta de forma inovadora, através do UEFA.com e dos canais de redes sociais da UEFA. O UEFA.com teve 1,5 milhões de visitas no dia da final, um aumento de 20 por cento em relação ao ano passado, para o qual contribuiu, sem dúvida, o facto de três dos golos terem sido marcados no prolongamento.

O número de seguidores dos canais de redes sociais da UEFA passou a barreira dos 50 milhões na presente temporada, liderado sobretudo pelo incrível crescimento da página de Facebook da UEFA Champions League. Com quase 30 milhões de gostos, é a página de uma liga ou de uma federação mais seguida na plataforma, sabendo-se que na primeira jornada, em Setembro, tinha 11,4 milhões.

Pela primeira vez, a "hashtag" oficial do evento - #UCLfinal - apareceu nos painéis publicitários em redor do relvado, em Lisboa, levando a que tenha sido usada mais de um milhão de vezes, enquanto as entrevistas em estúdio, transmitidas em directo no Facebook para todo o Mundo através da plataforma, foram também disponibilizadas aos visitantes do UEFA Champions Festival através de um ecrã gigante. O Presidente da UEFA, Michel Platini, respondeu igualmente a questões de adeptos de todo o planeta numa sessão de perguntas e respostas no Facebook.

Eis alguns dos números do fim-de-semana da final:
- 26 milhões de pessoas geraram 67 milhões de interacções no Facebook relacionadas com a final, tendo o maior fluxo vindo do México (seguido de Indonésia, Brasil e Espanha).

- A página oficial da UEFA contou com mais de 1,3 milhões de adeptos durante a semana da final e 400 mil no dia do jogo, salientando-se o facto de os posts terem sido geo-projectados para Espanha pela primeira vez.

- Os videos da TrophyCam da UEFA, nos quais vemos através dos olhos do troféu da UEFA Champions League, desde a sede da UEFA até Lisboa, passando pelas mãos dos adeptos e de nomes famosos, tiveram 12 milhões de visualizações no Facebook e mais de 16 mil pessoas fizeram e partilharam uma fotografia com a taça em "trophy selfie".

- 8,4 milhões de tweets relacionados com a final, equipas e jogadores foram escritos desde 60 minutos antes do apito final até à entrega do troféu, com pico de 209.594 tweets por minuto logo após o golo de Gareth Bale, que pôs o Real Madrid a ganhar por 2-1.

- O número de seguidores no Twitter, em @ChampionsLeague, dobrou para 6,4 milhões durante a época, o que ajudou a que o uso da #UCLfinal passasse a marca de um milhão, contando igualmente com o apoio dos clubes finalistas.

- As lendas do futebol que participaram no Ultimate Champions Match posaram para fotografias tiradas com a câmara Instastop. O tablet tirou fotos tipo passe aos jogadores e enviou-as através da conta de Instagram da UEFA. Mais de 190 mil seguidores do UEFA.com no Instagram puderam seguir a final nesta plataforma pela primeira vez.

- Os vencedores da competição chinesa providenciaram material a partir de Lisboa para as contas da Sina Weibo e Tencent Weibo, agora seguidas por um total de 1,99 milhões de fãs no país.

O UEFA Champions Festival provou ser um laboratório de interacção digital, tendo sido 95 mil os fãs que acorreram ao pitoresco Terreiro do Paço ou Praça do Comércio para o evento anual de quatro dias. Mais de 13 mil pessoas tiraram uma fotografia com o mais famoso troféu do futebol europeu de clubes e depois partilharam-na no Facebook. Algumas destas fotos apareceram numa atractiva torre de Instagram e Facebook, que gerou dois milhões de actualizações e sincronizações.

Como é habitual, o momento alto do festival foi o Ultimate Champions Match, na sexta-feira, no qual 20 jogadores que ganharam os mais cobiçados troféus no futebol voltaram a jogar perante um recinto lotado. Entre os quarentões da Selecção treinada por Paulo Futre e e de da UEFA All-Stars orientada por Emi

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon