Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Fontelas Gomes na arbitragem da UEFA é "reconhecimento" do trabalho em Portugal

Logótipo de O Jogo O Jogo 01/06/2017 Mónica Santos
© Fornecido por O jogo

"Tal como acontece em outros setores, esta nomeação significa que a UEFA reconhece nos portugueses capacidade para contribuir para o desenvolvimento do futebol no espaço europeu", declarou o presidente do CA.

O presidente do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fontelas Gomes, considerou esta quinta-feira a nomeação para o comité de arbitragem da UEFA um "reconhecimento" do trabalho realizado no setor em Portugal.

"Esta nomeação para o Comité de Arbitragem da UEFA deixa-me naturalmente satisfeito, sobretudo pelo que representa para a arbitragem e para o futebol português. É também o reconhecimento do nosso empenho no desenvolvimento da arbitragem", afirmou.

Em declarações à Lusa, o dirigente assume encarar o novo desafio "com enorme responsabilidade", entendendo-o como "o resultado do trabalho que todos - Federação, Conselho de Arbitragem e árbitros - têm feito em prol do setor".

"Tal como acontece em outros setores, esta nomeação significa que a UEFA reconhece nos portugueses capacidade para contribuir para o desenvolvimento do futebol no espaço europeu", reforçou.

Fontelas Gomes destacou ainda a evolução da arbitragem portuguesa, também na área tecnológica, "de que é exemplo mais recente o trabalho que está a ser feito na introdução do vídeo-árbitro, área em que a FPF tem sido pioneira no mundo".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon