Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Gastão Elias grato por poder disputar o Estoril Open, o seu torneio favorito

Logótipo de LusaLusa 30/03/2017 Ana Marques Gonçalves

Redação, 30 mar (Lusa) – O tenista português Gastão Elias, que hoje recebeu o primeiro ‘wild card’ para o Estoril Open, mostrou-se grato à organização por lhe ter permitido participar no seu torneio favorito.

“Obviamente, tenho que agradecer à organização por, mais uma vez, me ter dado a oportunidade de participar no meu torneio favorito do circuito e espero poder aproveitá-la da melhor forma”, começou por dizer à Agência Lusa o número dois nacional.

No entanto, Gastão Elias assumiu que espera não ter de recorrer ao ‘wild card’ atribuído pela organização do único torneio ATP disputado em Portugal.

“Espero entrar direto no quadro, o que significaria que, provavelmente, teríamos a oportunidade de ter mais um português a competir no quadro principal”, referiu o jovem da Lourinhã, que marcou presença nos quartos de final das edições de 2013 e 2014 do extinto Portugal Open.

O número dois nacional e 89.º jogador mundial falhou por pouco a entrada direta, mas pode aceder ao quadro principal caso haja desistências na lista de inscritos.

ERIK S. LESSER/EPA © EPA / ERIK S. LESSER ERIK S. LESSER/EPA

A terceira edição do Millenium Estoril Open, hoje apresentada na Cidadela de Cascais, vai decorrer entre 01 e 07 de maio, nos ‘courts’ de terra batida do Clube de Ténis do Estoril.

AMG // VR

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon