Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Golden State Warriors recusam ir à Casa Branca

Logótipo de O Jogo O Jogo 13/06/2017 Alcides Freire
© LARRY W. SMITH

Coroada campeã da NBA na madrugada desta terça-feira, os jogadores e a equipa técnica da formação californiana decidiram, por unanimidade, declinar o convite para a habitual receção presidencial por discordar das políticas de Donald Trump

Vencedores do título da NBA após baterem os Cleveland Cavaliers por 4-1, os Golden State Warriors "apimentaram" as celebrações do título por se terem recusado a comparecer na Casa Branca para um encontro com o presidente Donald Trump.

De acordo com a Imprensa norte-americana, os jogadores e a equipa técnica da formação californiana decidiram, por unanimidade, não viajar até Washington por discordarem das políticas impostas por Trump, sobretudo no capítulo da imigração.

Recorde-se que, quando se sagraram campeões há duas temporadas, os Warriors foram recebidos na Casa Branca pelo então presidente Barack Obama, que também recebeu a visita dos Cleveland Cavaliers, em 2016.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon