Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Governo angolano financia-se em 80 MEuro junto do banco BAI

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/07/2017 Administrator

O Governo angolano aprovou os termos de um financiamento de quase 80 milhões de euros a conceder pelo Banco Angolano de Investimentos (BAI) para construção, pelo Estado, de infraestruturas em centralidades do país.

A autorização, de final de junho, foi feita por despacho assinado pelo Presidente angolano, que justifica o financiamento com a "necessidade de se implementar projetos integrados no Programa de Investimento Público", nomeadamente para impulsionar o Programa Nacional de Urbanismo e Habitação.

O acordo de financiamento a celebrar entre o Ministério das Finanças de Angola e o BAI, no valor de 15.000 milhões de kwanzas (79,3 milhões de euros), para construção das infraestruturas de centralidades (novas cidades construídas de raiz) e habitações dos projetos não iniciados.

A dívida pública governamental angolana deverá atingir no final do ano os 52,7% do Produto Interno Bruto (PIB), mais do que duplicando em quatro anos, até ao equivalente a 62,8 mil milhões de dólares (55,1 mil milhões de euros).

A informação consta do relatório de fundamentação do Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2017, prevendo receitas e despesas globais de 7,307 biliões de kwanzas (38,6 mil milhões de euros).

Angola vive desde finais de 2014 uma crise financeira e económica e no OGE de 2017 as receitas fiscais só deverão cobrir 49,6% das necessidades totais, acrescido das receitas patrimoniais, com 6,7%, de acordo com o mesmo documento.

As receitas provenientes do endividamento público deverão atingir um peso de 43,6% do valor global inscrito no OGE de 2017, chegando a 3,224 biliões de kwanzas (17 mil milhões de euros).

Além de contrair nova despesa pública, no mercado interno e externo, o OGE de 2017 prevê 2,338 biliões de kwanzas (12,3 mil milhões de euros) para o serviço da dívida.

Neste cenário, o 'stock' da dívida pública governamental angolana (excluindo empresas públicas) ascenderá, na previsão do Governo, ao equivalente a 56,9 mil milhões de euros, cifrando-se nos 52,7% do PIB.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon