Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Governo brasileiro anuncia recuo de 16% na desflorestação da Amazónia

Logótipo de O Jogo O Jogo 17/10/2017 Administrator

O governo brasileiro anunciou hoje um recuo de 16% na desflorestação da Amazónia, entre julho de 2016 e agosto deste ano, e defendeu a sua política ambiental face às críticas recentes de movimentos ambientalistas.

"A desflorestação, que aumentou 19% no ano passado, caiu 16% este ano. Todos os indicadores mostram uma diminuição durante a nossa gestão", disse o ministro do ambiente, José Sarney Filho, em Brasília, citado pela agência de notícias francesa France Press (AFP).

O governo do presidente conservador, Michel Temer, que chegou ao poder em maio de 2016, anunciou no início deste ano uma redução de 43% no orçamento do Ministério do Ambiente.

Sob muitas críticas, o chefe de Estado teve de recuar, depois de anunciar a polémica abertura de uma vasta área da floresta amazónica para a exploração mineira.

Os números anunciados hoje têm por base um relatório do Instituto Nacional de Estudos Espaciais, que usa satélites para avaliar superfícies cobertas de árvores no "pulmão do planeta"

Logo após este anúncio, a ONG Ipam (Instituto de Estudos Ambientais da Amazónia) publicou uma declaração em que afirmou que o governo "tem poucos motivos para a celebração".

"Estamos a destruir a floresta a um ritmo mais lento, mas a destruição continua", disse Paulo Moutinho, investigador deste instituto.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon