Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Grupo Macau Legend com prejuízos de 24,6 ME no primeiro semestre do ano

Logótipo de O Jogo O Jogo 01/09/2017 Administrator

O grupo Macau Legend registou prejuízos de 228,6 milhões de dólares de Hong Kong (24,6 milhões de euros) nos primeiros seis meses do ano, indicou num comunicado divulgado na quinta-feira à noite.

A empresa justificou as perdas com "o aumento dos custos operacionais e a depreciação gerada pela abertura de novos casinos e hotéis, e também custos financeiros".

Nos primeiros seis meses, a Macau Legend arrecadou receitas no valor de 855,9 milhões de dólares de Hong Kong (91,9 milhões de euros), mais 28,5% que no mesmo período de 2016.

As receitas de jogo subiram 34,3% para 563,2 milhões de dólares de Hong Kong (60,5 milhões de euros) e as de não-jogo aumentaram 18,7% para 292,7 milhões de dólares de Hong Kong (31,4 milhões de euros).

O EBITDA ajustado (resultados antes de impostos, juros, depreciações e amortizações) foi de 100,5 milhões de dólares de Hong Kong (10,8 milhões de euros), mais 115,4%

A Macau Legend opera três casinos em Macau sob a bandeira da Sociedade de Jogos de Macau (SJM). Um deles, o Legend Palace Hotel, abriu em fevereiro deste ano e contribuiu com receitas de 37,8 milhões de dólares de Hong Kong (4,06 milhões de euros).

"Apesar da 'performance' melhorada, a rentabilidade do grupo foi negativamente afetada por prejuízos de 228,6 milhões de dólares de Hong Kong durante o período [em causa] maioritariamente devido a aumentos nos custos operacionais e depreciação devido à abertura do Legend Palace Casino e Hotel e aumentos nos custos financeiros", de acordo com o comunicado.

O diretor executivo da empresa, David Chow, explicou que os trabalhos de remodelação da Doca dos Pescadores -- área aberta de entretenimento com restaurantes e lojas -- vão continuar e mostram o apoio da empresa "aos esforços do Governo de Macau para construir um centro de turismo e lazer e promover turismo diversificado em Macau".

"Vamos continuar a melhorar a experiência de compras, restauração ao ar livre e entretenimento na Doca dos Pescadores, agora que a cobertura está terminada", afirmou.

No mesmo comunicado, Chow deu conta do acordo com "uma terceira parte independente para se desfazer do hotel Landmark Macau".

"Espera-se que o negócio esteja concluído antes do final deste ano (...) Vai permitir ao grupo reorganizar e desenvolver novas construções e instalações para corresponder e fundir os mercados em constante mudança", disse Chow.

Os casinos de Macau fecharam o mês de agosto com receitas de 22.676 milhões de patacas (2.366 milhões de euros), um aumento de 20,4% relativamente ao período homólogo do ano passado, foi hoje anunciado.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon