Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Grupo Oásis prevê investir mais de 100 ME nos próximos três anos em Cabo Verde

Logótipo de O Jogo O Jogo 06/07/2017 Administrator

O grupo hoteleiro português Oásis prevê investir em Cabo Verde nos próximos três anos mais de 100 milhões de euros em empreendimentos nas ilhas do Sal e de Santiago, segundo disse à agência Lusa o seu presidente, Agostinho Abade.

"No próximo triénio estamos a pensar fazer cento e tal milhões de euros de investimentos em Cabo Verde", disse.

Adiantou que está em perspetiva um hotel com mais 500 quartos na ilha do Sal, que está em fase de negociação, e a construção de um empreendimento de cinco estrelas no Tarrafal de Santiago.

"O projeto do Tarrafal está só à espera de ultimar [as negociações] com atual dono de uma parte do [empreendimento] que lá está para poder arrancar. Pensamos arrancar no princípio do ano que vem", revelou.

O grupo Oásis Atlântico assinou como a câmara do Tarrafal um protocolo de intenções para a construção de um "resort" de cinco estrelas no espaço parcialmente ocupado pelo degradado empreendimento Baia Verde.

Agostinho Abade foi uma das 42 personalidades condecoradas pelo Presidente da República de Cabo Verde para assinalar o 42.º aniversário da independência do país, que se comemorou na quarta-feira.

Em declarações à agência Lusa à margem da cerimónia de entrega da Ordem de Mérito, o fundador e presidente do grupo Oásis mostrou-se orgulhoso pela distinção.

"São 24 anos neste país. Chegámos em 1993 com o primeiro investimento e estou muito orgulhoso e satisfeito. É um incentivo e um lenitivo para fazermos cada vez mais", disse.

Licenciado em Finanças, Agostinho Abade fez o seu percurso profissional na administração de várias empresas, tendo sido secretário-geral do Comércio Interno nos anos oitenta.

Conhecida é também a sua ligação de vários anos à direção do Sporting Clube de Portugal.

É um dos fundadores da Oásis Atlântico, nascido em Cabo Verde na década de 1990 e que conta atualmente seis hotéis, quatro em Cabo Verde - Belo Horizonte e Salinas Sea, na ilha do Sal; Praiamar, na ilha de Santiago, e Porto Grande, na ilha de S. Vicente - e dois no nordeste do Brasil, no estado de Ceará: o Imperial e o Fortaleza.

Em 2005, Agostinho Abade foi condecorado como Grande Oficial da Ordem de Mérito Agrícola, Comércio e Indústria pelo Estado português, pelo então Presidente da República Jorge Sampaio.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon