Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Guardiola admite: "Foi um jogo especial"

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/02/2017 Alcides Freire

Treinador do Manchester City mostrou-se muito satisfeito com a qualidade do jogo com o Mónaco, mas alertou para os perigos da segunda mão, no principado francês.

© REUTERS/Phil Noble

Pep Guardiola não conseguiu encontrar muitas palavras para descrever o duelo desta terça-feira entre o Manchester City e o Mónaco, que terminou com o 5-3 favorável à sua equipa. No entanto, no final da partida, esforçou-se para fazer uma análise e considerou o encontro dois oitavos de final "especial".

"Foi um jogo especial, não posso negá-lo. Atacámos bem, mas é claro que temos de melhorar. Vamos ao Mónaco tentar marcar o máximo de golos possível. Se não marcarmos lá, acabaremos eliminados. Se tivéssemos sofrido o 3-1 teria sido muito pesado a nível psicológico, mas o Willy [Caballero] fez uma excelente defesa. Foi um jogo maravilhoso", afirmou Guardiola na conferência de imprensa que se seguiu ao apito final.

A segunda mão da eliminatória está marcada para o dia 15 de março.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon