Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Guiné-Bissau assina financiamento para construção de central elétrica em Bissau

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/10/2017 Administrator

O ministro das Finanças guineense, João Fadia, assinou com o Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico em África (BADEA) um financiamento de 11 milhões de dólares (9,3 milhões de euros) para a construção de uma central elétrica em Bissau.

A assinatura do empréstimo foi feita em Washington durante a participação do ministro das Finanças na Assembleia Anual do Fundo Monetário Internacional, que decorreu entre 10 e 15 de outubro, informou hoje em comunicado o Conselho de Ministros.

Durante a sua estada em Washington, o ministro assinou com o BADEA o "acordo de empréstimo relativo ao financiamento do projeto de instalação de uma central elétrica em Bissau", refere o comunicado.

O comunicado refere também que o ministro das Finanças recebeu também o compromisso do diretor-geral do BADEA para "financiar o setor agrícola do país, sobretudo a produção de arroz".

Segundo a página do BADEA na Internet, o projeto de construção da central elétrica em Bissau tem um custo total de 22,25 milhões de dólares (cerca de 19 milhões de euros) e o banco dará um financiamento de 11 milhões de dólares.

O restante financiamento será garantido pelo Governo guineense e por uma entidade financeira no valor restante de 10,75 milhões de dólares.

"O projeto visa fornecer energia elétrica à população da capital de forma permanente e com preços razoáveis através da melhoria da central existente", lê-se no acordo de financiamento.

A construção da central elétrica vai também permitir que o Governo poupe cerca de 250 mil euros em taxas mensais, que paga a uma empresa privada, e mais a compra do gasóleo.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon