Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Há algo de Mourinho nesta Nova Zelândia

Logótipo de O Jogo O Jogo 24/06/2017 Hugo Monteiro

O atual selecionador desta formação da Oceânia acompanhou de perto o trabalho do treinador português em 2013.

© SRDJAN SUKI/EPA

Pelo que prometia no início da carreira, o treinador inglês Harry Redknapp chegou a comparar Anthony Hudson (selecionador da Nova Zelândia) com José Mourinho. "Não sei porque surgiram essas comparações [com Mou], mas era bom que tivesse sido pelo número de vitórias ou pela conta bancária. Eu sou eu próprio e não quero ser comparado com ninguém", afirmou ontem Hudson, em conferência de Imprensa, desvalorizando os ensinamentos que "bebeu" do treinador português durante o estágio de uma semana que fez com ele no Real Madrid, em 2013.

"Um amigo pôs-me em contacto com Mourinho e tive a felicidade de observar de perto a preparação de um jogo. Houve tanto a aprender e a absorver. Pormenores absolutamente incríveis. Por isso fiquei deliciado por ter tido a oportunidade de observar Mourinho tão de perto. A minha admiração por ele era enorme antes deste estágio, mas depois disto regresso com uma estima ainda maior por ele. Pura classe!", declarou Hudson na altura. Aliás, numa entrevista recente ao "DN", Hudson chegou também a admitir: "Felizmente, no início da carreira tive o privilégio de observar o trabalho de grandes treinadores. Um deles foi Mourinho, no Real Madrid. Aprendi muito com as observações que fiz ao seu trabalho, mas não posso dizer que me inspirei apenas nele, também aprendi com outros."

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon