Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

História de Monção retratada em espetáculo de música e imagem com 150 participantes

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/09/2017 Administrator

A história de Monção vai ser retratada, através da música e da imagem, entre 07 e 14 de outubro, num espetáculo envolvendo cerca de 150 participantes de mais de dez instituições e associações do concelho.

"O grande desafio deste espetáculo é trabalhar com pessoas de diferentes idades, dos 12 anos aos 80, de mais de dez associações e instituições. Mobilizar e ensaiar crianças, jovens, idosos e pessoas portadoras de deficiência para, todos juntos em palco celebrar Monção", afirmou hoje à Lusa Nuno Alves, da organização, a cargo do Space Ensamble.

Intitulado "Trilogia dos Vales", o espetáculo, em três atos, vai subir ao palco do cineteatro João Verde, em Monção, distrito de Viana do Castelo, nos dias 07, 08 e 14 de outubro, sempre às 17:00.

Os espetáculos, que "além da música incluem a projeção de vídeos sobre o concelho, exploram a identidade do território, fértil em vida e em história".

"Os rios Minho, Mouro e Gadanha, os vales por eles criados, os moinhos, as vinhas, a terra, as pessoas, a memória coletiva são a inspiração da partitura musical e visual do espetáculo", sublinhou.

O projeto reúne "as principais formações musicais da vila, entre os quais se incluem a Santa Casa da Misericórdia de Monção, Centro Paroquial e Social Padre Agostinho Caldas Afonso, Centro Social, Cultural e Recreativo das Freguesias de Messegães, Valadares e Sá (CENSO), Centro Comunitário de Podame, Grupo Popular Os Teimosos, Banda Musical Casa do Povo de Tangil, Centro Paroquial Social de São Pedro (CPSS) de Merufe, Centro Paroquial e Social (CPS) de Barbeita, Banda Musical de Monção e Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM.

Com direção artística do Space Ensemble, o espetáculo "Trilogia dos Vales", promovido pela Câmara de Monção, é coordenado pelo multi-instrumentista Samuel Coelho, que assume ainda a direção musical, e com a direção de imagem e de cena de Giselle Galvão.

O presidente da Câmara de Monção, Augusto Domingues, destacou a "originalidade do projeto e a mais-valia que representa para as instituições sociais e associações locais". Já o vereador da Cultura enalteceu "a abordagem multifacetada e criativa do projeto, com manifestações várias da identidade local", e sublinhou, "a capacidade mobilizadora dos monçanenses quando toca a difundir as suas emoções e a promover as suas potencialidades".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon