Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Inácio diz que Moreirense quer surpreender Benfica mas não jogará com “todas as ‘armas’”

Logótipo de LusaLusa 25/01/2017 Edgar Pires
HUGO DELGADO/LUSA © LUSA / HUGO DELGADO HUGO DELGADO/LUSA

Faro, 25 jan (Lusa) - O treinador do Moreirense disse hoje que a sua equipa vai tentar surpreender na quinta-feira o Benfica na meia-final da Taça da Liga de futebol, mas admitiu que o clube “não vai jogar com todas as suas ‘armas’”.

"O Moreirense, dentro daquilo que é o seu calendário, provavelmente, não vai jogar com todas as suas ‘armas’, porque a grande prioridade do Moreirense é o campeonato", afirmou Augusto Inácio na conferência de imprensa de antevisão ao jogo, realizada no Estádio Algarve, palco da ‘final four’ da prova.

"Temos um jogo importantíssimo [com o Feirense], ou na segunda-feira ou na quinta-feira, consoante o resultado de amanhã [quinta-feira]. E dentro dessa perspetiva, tenho de saber gerir os interesses do momento do Moreirense", explicou o técnico.

Augusto Inácio não quis confirmar se os emprestados Francisco Geraldes e Podence já foram chamados pelo Sporting para voltar ao seu clube, revelando apenas que estão no lote de jogadores disponíveis para enfrentar o Benfica.

"Eu não tenho de confirmar nada. O que eu tenho de confirmar é que são jogadores do Moreirense, agora se amanhã ou depois de amanhã, se vão ou não vão, é outra história", afirmou.

O treinador do conjunto de Moreira de Cónegos promete tentar surpreender o Benfica, uma equipa "compacta, criativa e veloz", que pratica "um futebol que às vezes entusiasma, mas não durante os 90 minutos", caracterizou, considerando Rui Vitória "um grande treinador".

"Vamos tentar fazer o melhor. Dizer que entregamos o jogo, nunca. Dizer que vamos fazer tudo para ganhar, sempre. Agora, é claro, não vou dar nenhuma novidade: entre os quatro melhores desta Taça da Liga, o Benfica é favorito. É a realidade. Mas isso não invalida que os favoritos também não percam", referiu Augusto Inácio.

O técnico aproveitou a ocasião para criticar o discurso utilizado pela comunicação social para abordar este tipo de encontros.

"Se o Moreirense ganhar ao Benfica, todos vocês vão dizer ‘Ah, o Moreirense eliminou o Benfica’. Se o Benfica ganhar ao Moreirense, é uma coisa normal. Porque é assim, porque as forças são assim. Nós vamos tentar fazer com que vocês abram a boca [de espanto]: ‘Ah, o Moreirense passou, vai à final’", disse.

Apesar de elogiar a organização da prova, Augusto Inácio ressalvou que "beneficia claramente os ‘grandes’" e pediu várias alterações, entre as quais o acesso direto do vencedor à Liga Europa, para torná-la "muito mais interessante e muito mais competitiva".

A partida entre Moreirense e Benfica, marcada para as 20:45, será arbitrada por Tiago Martins, da Associação de Futebol de Lisboa.

EYP/MHC // NF

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon