Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Incêndios: Chamas obrigam à retirada de 95 pessoas na Covilhã -- Proteção Civil

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/08/2017 Administrator

O incêndio que lavra na Covilhã, Castelo Branco, obrigou hoje à retirada de 15 pessoas da aldeia de Casal da Serra, e 80 de um parque de campismo, adiantou hoje a Autoridade Nacional de Proteção Civil.

A informação foi transmitida pela adjunta nacional de operações da Autoridade Nacional da Proteção Civil, Patrícia Gaspar, no 'briefing' diário sobre os fogos florestais na sede da Proteção Civil, em Carnaxide.

Os moradores da aldeia foram transportados para um pavilhão desportivo, acrescentou a responsável.

Este incêndio, que é um dos que mais preocupa as autoridades, tem "vindo a lavrar sempre muito perto de povoações", explicou Patrícia Gaspar.

Pelas 19:15, as chamas que lavram na Covilhã mobilizavam 423 operacionais, 132 meios terrestres e oito meios aéreos.

Desde 11 de agosto, os incêndios já provocaram uma vítima mortal, 122 feridos (dos quais 114 ligeiros e oito graves), aos quais acrescem 79 pessoas assistidas no terreno.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon