Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Incêndios: Roupa solidária já é suficiente em Oliveira do Hospital

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/10/2017 Administrator

A Câmara de Oliveira do Hospital, distrito de Coimbra, pediu hoje para que seja suspensa a entrega solidário de roupa no concelho, na sequência dos incêndios.

Através de uma nota publicada pela autarquia e intitulada "Apelo Urgente", o município agradece ao "extraordinário" povo português e pede "encarecidamente que não envie mais vestuário para o Centro de Apoio às Vítimas dos Incêndios de Oliveira do Hospital".

"Pedimos a todos os cidadãos que estejam disponíveis para colaborar que entrem em contacto com o Gabinete de Apoio à Vereação (GAV), através dos n.º: 238 605 257 (direto GAV) ou 238 605 250 (geral da Câmara Municipal), por forma a saberem quais as reais necessidades".

As centenas de incêndios que deflagraram no domingo, o pior dia de fogos do ano segundo as autoridades, provocaram 44 mortos e cerca de 70 feridos, mais de uma dezena dos quais graves.

Os fogos obrigaram a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas, sobretudo nas regiões norte e centro.

Esta é a segunda situação mais grave de incêndios com mortos em Portugal, depois de Pedrógão Grande, em junho deste ano, em que um fogo alastrou a outros municípios e provocou, segundo a contabilização oficial, 64 vítimas mortais e mais de 250 feridos. Registou-se ainda a morte de uma mulher que foi atropelada quando fugia deste fogo.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon