Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Incidentes com adeptos do Benfica em Chaves sob investigação

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/08/2017 Ana Proença

O relatório sobre o comportamento de alguns adeptos verificados durante o desafio segue para o Ministério da Administração Interna. Um adepto das águias acabou o dia na esquadra

O comportamento dos adeptos do Benfica em Chaves será analisado pelo Ministério da Administração Interna (MAI) por causa do lançamento de petardos e tochas verificados no decorrer do desafio entre o Chaves e o Benfica, da segunda jornada da Liga, disputado no Estádio Municipal Engenheiro Manuel Branco Teixeira.

Os encarnados venceram o jogo por 1-0, através de um golo de Seferovic mesmo ao cair do pano, mas nem tudo correu de feição nas bancadas por causa do arremesso para o relvado dos tais engenhos pirotécnicos.

© Pedro Correia/Global Imagens

A PSP lavrou um auto por utilização de tochas e petardos lançados da bancada onde se encontravam adeptos do Benfica, que seguirá agora os trâmites habituais, sendo analisado pelo Ministério de Administração Interna.

Esta, de resto, não foi a única ocorrência verificada no estádio. Antes mesmo do início do jogo, um adepto do clube da Luz recusou identificar-se à entrada do recinto do Chaves e foi levado para a esquadra.

Além destes episódios, na nova bancada, no topo norte, uma adepta flaviense acabou ferida por causa de escaramuças que aconteceram no local.

Entretanto, à margem da violência, alguns adeptos do Benfica manifestaram a sua indignação por não lhes ter sido permitida a exposição de adereços, com inscrições alusivas ao clube, na bancada central do estádio.

Todos os factos que se verificaram, sabe O JOGO, constam do relatório elaborado pela PSP que será entregue ao Ministério de Administração Interna.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon