Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Inflação no arrendamento a estudantes torna urgente oferta de mais residências universitárias - Reitor UL

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/09/2017 Administrator

O reitor da Universidade de Lisboa disse hoje que a crescente inflação de preços no arrendamento de casas e quartos está a criar dificuldades aos estudantes do ensino superior da capital, o que torna urgente a oferta de mais e melhores residências universitárias.

António Cruz Serra falava hoje na abertura do Ano Académico da Universidade de Lisboa, que decorreu na Aula Magna.

Segundo o reitor, a Universidade de Lisboa, consciente desta carência, iniciou um programa de construção de residências universitárias.

"Estamos a construir uma residência no campus da Ajuda, que irá alojar, a partir do próximo ano, 180 estudantes; está em fase final de licenciamento uma outra residência no campus da cidade universitária com capacidade para 150 estudantes, e foi lançado concurso para a concessão e reabilitação de um edifício, nas instalações da Escola Politécnica, que será também explorado como residência de estudantes", explicou.

Cruz Serra disse ainda que a Universidade tem também um grande projeto que será a construção de uma residência para 800 estudantes na cidade universitária, junto à Biblioteca Nacional, a terminar antes do final do seu mandato de quatro anos.

A Universidade de Lisboa preencheu quase todas as vagas na primeira fase do concurso nacional de acesso.

No ano letivo que terminou quase 10 mil estudantes concluíram as suas licenciaturas, mestrados e doutoramentos nesta universidade.

Segundo António Cruz Serra, entre os seus quase 50.000 estudantes, a Universidade de Lisboa acolhe cerca de 7.000 estudantes internacionais, provenientes de mais de 100 países, "criando um ambiente cosmopolita".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon