Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Irão, de Queiroz, segura 'nulo' e impede apuramento da Coreia para o Mundial2018

Logótipo de LusaLusa 31/08/2017 Pedro Belo da Fonseca
JEON HEON-KYUN/EPA © EPA / JEON HEON-KYUN JEON HEON-KYUN/EPA

Redação, 31 ago (Lusa) – O Irão, orientado pelo treinador português Carlos Queiroz, manteve hoje a invencibilidade e a baliza a ‘zero’ no Grupo A da terceira fase asiática de apuramento para o Mundial2018, ao ‘empatar’ a Coreia do Sul.

Em Seul, os iranianos, já apurados para a prova que se vai realizar na Rússia, ficaram com 10 elementos a partir dos 52 minutos, por expulsão de Saeid Ezatolahi, mas conseguiram manter o 0-0 até final, impedindo o apuramento dos sul-coreanos.

No Grupo A, o Irão soma agora 21 pontos, correspondentes a seis vitórias e três empates, com 8-0 em golos, contra 14 da Coreia do Sul, que manteve o segundo posto, o último de apuramento direto, face ao desaire do Uzbequistão na China (1-0).

Um tento de Gao Lin, aos 84 minutos, de penálti, ‘atirou’ os uzbeques para o quarto posto do grupo, com os mesmos 12 pontos da Síria, vencedora por 3-1 na receção ao Qatar, com dois tentos de Omar Kharbin e um de Mahmoud Al Mawas.

Na última ronda, a 05 de setembro, a Coreia do Sul (um golo positivo) desloca-se ao Uzbequistão (um negativo), enquanto a Síria (um positivo) joga no Irão. A China (nove pontos e três golos negativos), ainda com hipóteses matemáticas, fecha no Qatar.

No Grupo B, destaque para o Japão, que se tornou a terceira seleção a garantir o apuramento para o Mundial, juntando-se a Brasil, Irão e à anfitriã Rússia, ao vencer em casa a Austrália por 2-0, com tentos de Takuma Asano e Yosuke Ideguchi.

Os nipónicos somam 20 pontos, contra 16 da Arábia Saudita, que há dois dias perdeu nos Emirados Árabes Unidos por 2-1, e outros tantos da Austrália.

Na última ronda, a Austrália (quatro golos positivos) tem tarefa facilitada, pois recebe a lanterna-vermelha Tailândia, enquanto a Arábia Saudita (seis positivos) é anfitriã do Japão.

Com 13 pontos e dois golos negativos, os Emirados Árabes Unidos, que jogam no Iraque, ainda têm remotas hipóteses.

Na zona asiática, os dois primeiros classificados de cada grupo qualificam-se diretamente para o Mundial2018, enquanto os dois terceiros disputam um ‘play-off’, cujo vencedor joga depois o acesso à fase final num ‘play-off’ intercontinental com o vencedor da CONCACAF.

PFO // PFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon