Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jéssica Augusto lança manual de corrida

Sportinveste 24/04/2014 Fonte: Sportinveste Multimédia
Jéssica Augusto lança manual de corrida © Sportinveste Multimédia Jéssica Augusto lança manual de corrida

Para apoiar quem "perdeu a vergonha de correr na rua", a maratonista portuguesa, 32 anos, escreveu "Do primeiro quilómetro à maratona".

A maratonista portuguesa Jéssica Augusto escreveu um manual para "quem perdeu a vergonha de correr na rua" que promete "informar" os atletas amadores que aderiram a esta "moda".

"A todos aqueles que tiveram a coragem de abandonar uma vida sedentária e lançar-se no mundo da corrida. E a todos aqueles que, como eu, fazem do desporto a sua vida" é o mote do livro da atleta bracarense, natural de Paris: "Do primeiro quilómetro à maratona".

Jéssica Augusto, que, com o sexto lugar, foi recentemente a melhor europeia na maratona de Londres, dois anos depois de, também na capital britânica, ter sido oitava nos 42,195 quilómetros nos Jogos Olímpicos, disse à agência Lusa ter aceite o desafio da editora [Esfera dos Livros], para preencher uma lacuna.

"A corrida está na moda, muitas pessoas que querem começar pensam que é só calçar umas sapatilhas e correr. Não é só isso e eu dou algumas dicas, porque devemos começar por um 'check-up' médico, pela escolha das sapatilhas e de equipamento confortável, ter atenção à alimentação, e também partilho algumas histórias pessoais", referiu Jéssica Augusto, em declarações à Lusa.

A segunda melhor portuguesa de sempre na maratona [2:24.25 horas, conseguida em 2014, em Londres], somente superada pela marca de Rosa Mota [2:23.29 horas, no ano de 1985, em Chicago, nos Estados Unidos], revela, no livro, dicas para quem se inicia nas corridas, admitindo, inclusivamente, que se consiga correr esta distância emblemática após um ano de treino.

"Não é por ler o manual que se chega a atleta de alta competição. O que quero é motivar as pessoas para praticarem desporto e mostrar a importância da atividade física. Acho que qualquer pessoa que saia do sofá e se lance na corrida consegue, passado um ano, fazer uma maratona, mas tem de se treinar, claro", frisou Jéssica Augusto, que sugere planos de treino, deixando a advertência para a necessária "força de vontade".

Para a atleta, de 32 anos, a transformação da corrida em moda fica a dever-se à consciencialização de que esta atividade é saudável: "Muita gente sai do trabalho stressada ou está em casa sem fazer nada e começa a estar mais ansiosa, descobrindo na corrida uma forma de se libertar". Uma mudança de mentalidades, que Jéssica Augusto regista com agrado.

"Recordo-me que, no início da minha carreira, tinha vergonha de correr na rua, porque não via ninguém a correr. Na altura, diziam: ela não deve estar bem para correr na rua. Então, eu penso que as pessoas perderam um bocado a vergonha e tomaram a consciência de que correr é saúde".

Já à venda, mas com uma primeira apresentação marcada para o dia 4 de maio, em Braga, Jéssica Augusto sublinha a ambição de "inspirar" os leitores, prometendo "trabalhar e lutar" para bater o recorde nacional da maratona, objetivos sintetizados no final do livro: "Corra, pela sua saúde. Corra, pelo seu bem-estar. Arrisque. Experimente. Dê o melhor de si. Na corrida e em tudo o que fizer na vida. E, como último desejo, espero que, acima daquilo que vier a alcançar com a corrida, nunca desista dos seus sonhos, que tenha sempre capacidade de entrega, dedicação e se lembre que 'impossível é aquilo que nunca se tentou' (a minha frase de sempre!)".

Fonte: OJOGO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon