Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jerónimo pede mais votos CDU pelo SNS, solidário com médicos e enfermeiros

Logótipo de O Jogo O Jogo 22/09/2017 Administrator

O líder comunista voltou hoje a pedir mais votos na CDU para fortalecer a "luta" pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), tal como fazem médicos e enfermeiros, os quais considera estarem também a defender aquele serviço público.

Num jantar-comício em Santiago do Cacém, no âmbito da campanha para as eleições autárquicas de 01 de outubro, Jerónimo de Sousa declarou a solidariedade com as reivindicações e posições de médicos e enfermeiros, protagonistas recentes de greves por melhores condições de trabalho.

"Por insistência da CDU foi possível contratar mais médicos e enfermeiros para o SNS, mas a falta de médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde, a degradação e o encerramento das instalações e serviços, bem como as intermináveis listas de espera, não acabaram e tornam-se ainda mais insuportáveis, quando largas camaradas da população portuguesa vivem numa situação de grandes dificuldades económicas", afirmou o membro da coligação autárquica que junta comunistas, ecologistas e independentes (CDU).

Os sindicatos médicos anunciaram hoje que vão realizar greves rotativas por regiões em outubro e uma paralisação nacional em novembro. As greves regionais começam em 11 de outubro na região norte, seguindo-se a região centro em 18 de outubro e a região sul em 25 de outubro, estando uma paralisação nacional marcada para 08 de novembro.

Após nova reunião entre sindicatos e Ministério da Educação o anúncio da greve, que se segue à de maio, foi feito pelo Sindicato Independente dos Médicos (SIM) e pela Federação Nacional dos Médicos (FNAM). Em causa estão a redução de horas extraordinárias anuais obrigatórias, as horas de qualidade (durante a noite), a redução do trabalho de urgência (de 18 para 12 horas semanais) e a redução da lista de utentes por médico de família (dos atuais 1.900 para 1.500).

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon