Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jiménez dá nova nega a 40 milhões da China

Logótipo de O Jogo O Jogo 03/07/2017 Alcides Freire

Luís Filipe Vieira deu aval à realização da transferência do avançado mexicano, mas o jogador mantém-se irredutível na intenção de apenas trocar a Luz por uma grande liga

© Jorge Amaral

aúl Jiménez continua apenas focado no Benfica ou, então, em singrar num grande campeonato europeu. O mexicano não quer ouvir falar no futebol chinês, nem mesmo com muitos milhões em perspetiva de serem canalizados para a sua conta pessoal. Segundo O JOGO apurou, a China voltou a bater à porta do internacional mexicano, com nova proposta choruda para o jogador a acompanhar um encaixe de 40 milhões de euros pelo Benfica, mas o jogador respondeu com nova nega.

Confrontado em janeiro com uma avultada oferta do Tianjin Quanjian, que colocou 50 milhões de euros em cima da secretária de Luís Filipe Vieira, Jiménez chutou a saída para canto, explicando mesmo que preferia "a glória na Europa antes do dinheiro". Agora, após nova investida chinesa, o ponta de lança que custou 22 milhões de euros aos encarnados, manteve-se irredutível, já depois de o presidente das águias ter dado o seu aval à concretização da transferência.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon