Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

João Sousa fez vida negra a del Potro

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/10/2017 Ireneu Ribeiro

O número um nacional ainda venceu um set, mas acabou derrotado por 2-1

O tenista português João Sousa foi esta quarta-feira afastado na primeira ronda do torneio suíço de Basileia, ao perder em três 'sets' com o argentino Juan Martín del Potro, quarto cabeça de série.

O número um nacional ainda reagiu, depois de perder o primeiro 'set', mas acabou derrotado pelo mais cotado argentino, 19.º do 'ranking' ATP, pelos parciais de 6-1, 4-6 e 6-1, em uma hora e 46 minutos.

Tal como aconteceu nos Jogos Olímpicos Rio2016, quando os dois lutaram por um lugar na terceira ronda, 'Delpo' e Sousa protagonizaram, no seu segundo frente-a-frente, uma 'batalha' em três 'sets' por um lugar na segunda ronda do torneio suíço.

No primeiro 'set', o desfecho do encontro pareceu evidente, com o número um nacional a dar uma fraca imagem de si mesmo e a 'entregar' o parcial inaugural em apenas 27 minutos.

© EPA/GEORGIOS KEFALAS

Sousa, muito errático no serviço, entrou com o 'pé esquerdo', sendo imediatamente quebrado pelo argentino, que viria a conquistar outros dois 'breaks', nos terceiro e sétimo jogos, para fechar o 'set' inaugural com 6-1.

Depois de ter alcançado os quartos de final em Antuérpia (Bélgica) na semana passada, o 60.º classificado do 'ranking' ATP elevou o nível de jogo no início do segundo parcial, colocando em dificuldades o 'gigante' argentino, que, no domingo, festejou o título em Estocolmo.

Mas só ao nono jogo é que Sousa chegou ao 'break' que esteve sempre iminente: após ter desperdiçado um primeiro 'break point', o número um nacional consumou a quebra de serviço e, logo de seguida, avançou para um triunfo por 6-4 no segundo 'set'.

O ascendente do melhor tenista português de sempre -- é o único a ter títulos ATP (Kuala Lumpur, em 2013, e Valência, em 2015) e é aquele que melhor posicionado (28.º) esteve no 'ranking' mundial -- manteve-se no início do terceiro 'set', com a 'Torre de Tandil' a ter de salvar um 'break' logo no primeiro jogo.

O duas vezes medalhado olímpico (foi prata no Rio2016 e bronze em Londres2012) não perdoou a displicência do vimaranense e, no jogo seguinte, aproveitou o segundo de dois 'break points' para se adiantar definitivamente no marcador.

Sousa ainda dispôs de um 'break' no terceiro jogo, mas não mais conseguiu nivelar o encontro, sendo ovamente quebrado por del Potro, que se impôs por 6-1.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon