Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Joga na NBA e está a ser acusado de pertencer a grupo terrorista

Logótipo de O Jogo O Jogo 26/05/2017 João Cardoso

De acordo com a imprensa turca, Enes Kanter utilizou uma aplicação destinada à organização de ataques terroristas e participou na tentativa de golpe de estado em 2016

Enes Kanter, basquetebolista dos Oklahoma City Thunder, foi detido na Roménia no último fim de semana por alegadamente estar ligado a um grupo terrorista. Segundo informa o diário "Sabah", que pertence ao governo da Turquia, o passaporte do jogador foi cancelado, mas a situação acabou resolvida horas depois.

© Fornecido por O jogo

O atleta foi declarado "fugitivo" por um tribunal turco por apoiar o ativista Fethullah Gulen e por não ter comparecido para prestar declarações, apesar de ter sido formalmente notificado.

De acordo com o governo local, o atleta utilizava a aplicação Bylock, a mesma que foi usada pela organização que tentou um golpe de estado na Turquia em julho, e terá elogiado nessa mesma aplicação as ações da dita organização.

A versão de Enes Kanter é totalmente diferente. O jogador diz que está a ser vítima da sua posição política.

"A razão para isto é obviamente a minha posição política. O responsável por isto é Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia. Vou continuar a partilhar as minhas coisas. Rezem por nós - afirmou Kanter, através do Twitter.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon