Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jorge Jesus agradece a Manuel Sérgio a ajuda para ser “melhor treinador”

Logótipo de LusaLusa 21/03/2017 João Godinho

Lisboa, 21 mar (Lusa) - O treinador do Sporting, Jorge Jesus, expressou hoje a sua gratidão a Manuel Sérgio pela sua evolução enquanto técnico de futebol, numa intervenção no colóquio dedicado ao filósofo realizada na Assembleia da República, em Lisboa.

"Não fui aluno dele, mas fui um privilegiado por ser um aluno particular dele. Tinha de me desenvolver noutras áreas de conhecimento que me pudessem ajudar. Ele obrigou-me a pensar e fez com que eu hoje seja muito melhor treinador", declarou.

Recordando a experiência conjunta que tiveram durante uma época ao serviço do Benfica, o timoneiro dos ‘leões’ assinalou ainda que Manuel Sérgio foi apanhado "nas armadilhas do futebol": "Não continuou mais porque não sabia o que era o mundo do futebol e ele foi apanhado numa armadilha. E o futebol tem muitas armadilhas."

Jorge Jesus elogiou a "inteligência acima do normal" de Manuel Sérgio e agradeceu o "convívio que o ajudou a crescer", enquanto treinador.

ANTÓNIO COTRIM/LUSA © LUSA / ANTÓNIO COTRIM ANTÓNIO COTRIM/LUSA

"O meu obrigado ao Prof. Manuel Sérgio. Tenho muita honra em testemunhar aqui aqueles meses que passei com ele", explicou, rematando: "Despertou-me para outras áreas além do treino."

Os elogios de Jorge Jesus mereceram também uma rápida retribuição de Manuel Sérgio, que destacou a aprendizagem ao lado do atual treinador do Sporting.

"É preciso ter muito respeito por homens como Jorge Jesus. Aprendi muito com ele, como quero aprender com toda a gente enquanto for vivo. Foi um mestre para mim em muitos aspetos", vincou.

No programa desta tarde estavam ainda previstas as presenças de Luís Filipe Vieira e Pinto da Costa, presidentes de Benfica e FC Porto, respetivamente. Porém, o líder dos ‘encarnados' compareceu apenas antes do arranque das sessões para cumprimentar o intelectual e saiu do Parlamento antes do início dos trabalhos. Já o dirigente portista acabou por não comparecer.

O Colóquio Internacional Professor Manuel Sérgio terminou hoje na Assembleia da República, depois de dois dias de palestras e testemunhos de figuras do desporto, mas também de outras áreas, como a política.

JYGO // NFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon