Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jorge Jesus pede reforços: "O presidente é que é o homem do cifrão"

Logótipo de O Jogo O Jogo 29/07/2017 Alcides Freire

O treinador do Sporting admite carências na lateral-direita e pede "mais um ou dois jogadores" à SAD. Não obstante, Jesus mostrou-se satisfeito com o nível exibido pela equipa frente à Fiorentina.

Simbolismo do Troféu Cinco Violinos: "Este troféu tem muito simbolismo para os adeptos do Sporting e para mim, porque o meu pai fez parte dessa equipa. Nunca os vi jogar, mas tenho muitos recortes dos jornais em casa. Foi importante, também para perceber aquilo que fazemos nos treinos. As coisas que fazemos bem e o que não fazemos tão bem. Isto é que é a pré-época. Há pessoas que fazem uma grande confusão com isso".

© Gustavo Bom/Global Imagens

Apoio dos adeptos: "Mais uma vez, os adeptos do Sporting mostraram muita paixão, aconteceu muita coisa, também em relação ao adepto da Fiorentina [Marco Ficini]. Tem que haver paixão e tem que se saber olhar para os adversários".

Influência do videoárbitro: "Não tenho dúvida nenhuma [de que pode ser benéfico], prova disso são os lances de que falámos. O videoárbitro vai trazer mais verdade ao futebol. Os que têm mais jogo ofensivo vão beneficiar da introdução do sistema em Portugal".

Retoques no plantel: "O que podemos prometer é ambição e responsabilidade. Sabemos do objetivo traçado, o Sporting vai correr pelo título com toda a força e confiança, com uma boa equipa, que estamos a montar. Falta ainda um ou outro jogador para fazermos um plantel forte. Vamos fazer à volta de 60 jogos e não queremos notar muita diferença quando mexemos na equipa. O presidente é que é o homem do cifrão. Estamos atentos ao mercado em busca de alternativa ao Piccini. Dei-lhe muita carga e esteve uns dias lesionado. Precisamos de arranjar um lateral-direito".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon