Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Jorge Jesus quer vencer Setúbal sem pensar na ‘Champions’

Logótipo de LusaLusa 10/08/2017 António Correia

Lisboa, 10 ago (Lusa) - Jorge Jesus revelou hoje que fará uma gestão do plantel devido ao número de jogos que o Sporting vai ter este mês, mas que só depois de "vencer" o Vitória de Setúbal pensará na Liga dos Campeões de futebol.

"Nós temos um mês de agosto apertado em termos de jogos, mas apertado no bom sentido. É bom estar nestas competições e ter que jogar a saber fazer uma divisão da equipa em função dos jogos. Claro que, neste momento, o meu objetivo e na minha cabeça está o jogo com o Vitória de Setúbal", começou por dizer.

Em conferência de imprensa, o técnico dos ‘leões’ frisou que as opções que tomará para o encontro do ‘play-off' de acesso à fase de grupos da Liga do Campeões diante do Steaua de Bucareste "dependerão da condição física que os seus atletas apresentarem" após a partida de sexta-feira da segunda jornada da I Liga diante dos sadinos.

Sobre o encontro frente à equipa comandada pelo antigo técnico do Sporting José Couceiro, o treinador do Sporting quer dar continuidade à boa entrada da sua equipa no campeonato e partilhar o triunfo com os adeptos em Alvalade.

"É um jogo na nossa casa, com os nossos adeptos e, portanto, queremos fazer aquilo que fizemos nas Aves [2-0 na primeira jornada], ou seja, um jogo bem conseguido, com muita segurança, onde a nossa capacidade coletiva e individual possa entrar em jogo. O mais importante é ganhar", argumentou.

Sobre a contratação do último e 11.º reforço para a nova temporada, Jorge Jesus sublinhou que lateral macedónio Ristovski ainda não está entrosado com os colegas nem conhece as ideias do treinador.

TIAGO PETINGA/LUSA © LUSA / TIAGO PETINGA TIAGO PETINGA/LUSA

"É verdade que tem ritmo competitivo, porque já vem com algumas eliminatórias de ‘Champions’, mas não conhece as ideias da equipa e não vai ser convocado. Isso para mim é tão ou mais importante que o ritmo que possa ter", declarou.

Para concluir, Jorge Jesus não deixou de comentar as possíveis saídas dos dois jogadores mais cobiçados da sua equipa, referindo que nem William de Carvalho nem Adrien Silva lhe pediram para abandonar o clube.

"São dois jogadores que o mercado está em cima e tenho que saber trabalhar em função do momento, dia a dia e todos os dias podem surgir coisas novas. Tenho que estar preparado para elas e não é verdade que os jogadores tenham falado comigo para saírem do Sporting. Nem o William nem o Adrien nunca me propuseram isso", concluiu.

Na sexta-feira, o Sporting recebe o Vitória de Setúbal, pelas 20:30, no Estádio de Alvalade, na segunda jornada da I Liga, que será dirigido pelo árbitro Bruno Paixão, da associação de futebol de Setúbal.

AYCO // NFO

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon