Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Localização do novo centro logístico da Jerónimo Martins é em Castanheira do Ribatejo

Logótipo de O Jogo O Jogo 28/09/2017 Administrator

A Jerónimo Martins esclareceu hoje que o novo centro logístico do grupo, muito semelhante ao de Alfena, em Valongo, vai arrancar no próximo ano em Castanheira do Ribatejo, em vez de na localização do Poceirão.

Na quarta-feira, à margem da inauguração do centro logístico de Alfena, o presidente do Conselho de Administração da Jerónimo Martins, Pedro Soares dos Santos, tinha afirmado que o grupo deveria arrancar para o ano com uma infraestrutura semelhante na região do Poceirão.

"O Poceirão foi efetivamente uma localização analisada para a construção da nova plataforma logística para a região Centro, mas a decisão já foi tomada e o novo centro surgirá em Castanheira do Ribatejo", esclareceu hoje a empresa.

O centro logístico de Alfena representou um investimento de 75 milhões de euros, conta com uma área de 100 mil metros quadrados e emprega diretamente 450 pessoas e cerca de 300 indiretamente.

Também na quarta-feira, o grupo anunciou que iria construir uma fábrica de massas frescas em Alfena, a segunda da Jerónimo Martins (a primeira é na Azambuja), cujo investimento não foi revelado.

Pedro Soares dos Santos disse que o grupo tem três anos para preparar e planear a unidade.

Questionado sobre como está a correr o novo 'cash & carry' [unidade grossista] do grupo na Colômbia, denominado de Bodega del Canasto, que foi inaugurado em 13 de março deste ano, Pedro Soares dos Santos afirmou que "muito bem".

Quanto à possibilidade de o grupo poder abrir mais outro 'cash & carry' na Colômbia, mercado onde tem a cadeia de supermercados Ara, o gestor disse que "talvez", admitindo a possibilidade do grupo poder ter "descoberto um novo negócio".

No entanto, remeteu para meados do próximo ano uma decisão sobre essa matéria.

A aposta na Bodega del Canasto nasceu como um pedido do governo colombiano por causa dos venezuelanos, sendo que esta unidade fica junto à fronteira com a Venezuela, em Cúcuta.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon