Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Londres/Ataques: Estação de metro de Parsons Green foi reaberta

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/09/2017 Administrator

A estação de metro de Parsons Green, no sudoeste de Londres, foi reaberta hoje depois da explosão de sexta-feira, na sequência da qual 29 passageiros ficaram feridos, informou a Transport for London (TfL), operadora da rede de transportes.

Um engenho de fabrico artesanal, dentro de um balde branco, explodiu parcialmente numa composição de metro da linha District que se dirigia para o centro da capital britânica de manhã à hora de ponta.

Os feridos foram transportados para diversos hospitais de Londres.

Entretanto a polícia procura o responsável da explosão de sexta-feira, que obrigou as autoridades a subir o nível de alerta terrorista no Reino Unido para "crítico" - o mais alto, o que significa que um atentado pode estar iminente.

O ataque foi reivindicado pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI), apesar das forças da ordem ainda não terem indicado se esta organização pode ter estado por trás do incidente de sexta-feira.

Com a subida do alerta para "critico", soldados britânicos ajudarão a polícia para reforçar a segurança em postos chave de Londres, como a rede de transportes e os estádios de futebol.

O responsável da unidade antiterrorista da Scotland Yard, Mark Rowley, admitiu que pode haver mais de uma pessoa envolvida no ataque, do qual não resultou qualquer morte.

Rowley afirmou que as forças da ordem fizeram importantes progressos na investigação e que os restos do engenho explosivo estão a ser analisados por especialistas forenses.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon