Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Luís Castro reitera objetivo: "Queremos ficar entre os oito primeiros"

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/03/2017 Alcides Freire

Depois da vitória sobre o Moreirense, o técnico do Rio Ave recusou-se a comentar as palavras de Augusto Inácio sobre o alegado antijogo vilacondense.

Importância do resultado: "Foi um jogo difícil, como prevíamos, entre duas equipas ambiciosas, em que conseguimos estar por cima na primeira parte, e na qual nos mantivemos estáveis quando o Moreirense tentou equilibrar. Foi uma boa vitória da nossa parte, na sequência do triunfo no Estoril, sendo dois resultados que nos dão mais conforto no campeonato e que mantêm a equipa estável".

© António Cotrim/LUSA

Atitude vencedora: "O Rio Ave, desde o primeiro minuto, tentou ganhar este jogo, mesmo tendo pela frente um Moreirense com rápidos ataques e procurar a profundidade nas nossas costas. Mantivemo-nos estáveis, e apesar de termos permitido uma reação do Moreirense, que nos pressionou, acabou por ser uma boa vitória".

Beleza dos golos: "Gostei do nosso primeiro golo, pelo gesto individual, mas também gostei muito do terceiro golo pela envolvência e trabalho da equipa".

Objetivo de época: "O nosso objetivo, desde o início, era ficar nos oito primeiros lugares, e vamos tentar manter essa meta".

Comentários de Augusto Inácio: "Não vou comentar a opinião do Augusto Inácio [treinador do Moreirense] sobre o alegado antijogo nos últimos minutos".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon