Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

México/Sismo: ONG denuncia "ocultação e censura" do Governo após sismo

Logótipo de O Jogo O Jogo 30/09/2017 Administrator

A organização não-governamental 'Artigo 19', com sede em Londres, que defende a liberdade de expressão e o direito à informação, acusou o Governo mexicano de ocultamento e censura, no seu relatório sobre o sismo de 19 de setembro.

A 'Artigo 19' concluiu que o Estado "implementa habitualmente uma política de ocultação e censura", e que no caso do sismo de magnitude 7,1 não foi proativo nem eficiente, de acordo com o relatório divulgado na sexta-feira.

A ONG considerou inadmissível que as autoridades mexicanas tenham utilizado os recursos destinados a comunicar as estratégias e ações das entidades governamentais para promover a imagem de altos funcionários e instituições.

O sismo causou pelo menos 358 mortos e avultados danos materiais no centro do país.

A 'Artigo 19' considera preocupante que 32 anos depois do sismo de magnitude 8,1 que causou 20 mil mortos em 1985, as autoridades não tenham tomado medidas preventivas para evitar a repetição da catástrofe.

"Exigimos uma política de comunicação que garanta à população o acesso à informação, de modo a assegurar a verdade dos protocolos implementados nas zonas de desastre e as necessidades dos centros de abrigo e albergues", indicou.

A organização recomenda que as autoridades garantam o livre exercício do jornalismo e documentação da situação dos direitos humanos, e apelam à comunicação eficiente das medidas de prevenção e reconstrução, além do fornecimento diligente de dados sobre pessoas desaparecidas e hospitalizadas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon