Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Macau/Tufão: Operadora fundada por Stanley Ho oferece cuidados médicos gratuitos

Logótipo de O Jogo O Jogo 28/08/2017 Administrator

A Sociedade de Jogos de Macau (SJM), fundada por Stanley Ho, vai garantir cuidados médicos gratuitos à população, numa das zonas mais atingidas pelo tufão Hato, indicou hoje em comunicado.

Os serviços médicos gratuitos vão começar na quarta-feira e funcionar durante um mês (nos dias úteis) numa clínica médica da zona da Praia do Manduco, uma das zonas mais antigas da cidade, indicou, em comunicado, a operadora de jogo fundada em 1962 por Stanley Ho.

Um grupo de voluntários da SJM está desde quinta-feira a prestar serviços de apoios às famílias afetadas pelo tufão Hato, que causou dez mortos, mais de 200 feridos e danos avultados ainda por avaliar.

A SJM, que opera 21 dos 39 casinos de Macau, decidiu também abrir o supermercado exclusivo dos seus funcionários à população que vão beneficiar dos descontos aplicados aos trabalhadores, até 14 de setembro, de acordo com a SJM.

A diretora executiva da sociedade e deputada de Macau Angela Leong prometeu o apoio da operadora à comunidade local: "Juntos vamos reconstruir a nossa casa".

No domigo, três operadoras de jogo de Macau - MGM, Galaxy e Melco - anunciaram doações de 121,5 milhões de patacas (12,6 milhões de euros) para ajudar nos trabalhos de recuperação e apoiar a população.

Quatro dias depois da passagem do Hato, Macau voltou a ser atingido por um segundo tufão, o Pakhar, de menor intensidade, que causou oito feridos ligeiros e pequenas inundações.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon