Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Manuel Machado deixa recado aos presidentes da Liga e FPF e ainda ao Governo

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/08/2017 Hugo M. Monteiro
© Luís Vieira/LUSA

Treinador do Moreirense urge para a necessidade de equilibrar o campeonato português a nível financeiro e desportivo, sob pena de "perder totalmente o interesse".

Manuel Machado considera que é importante existir uma reflexão por parte das altas entidades do futebol português, de maneira a equilibrar a I Liga. Depois de apontar a falta de rotinas da sua equipa como uma das razões por detrás do desaire averbado no Dragão, este domingo, o técnico do Moreirense deixou um recado a Fernando Gomes e Pedro Proença.


"O presidente da Federação, o presidente da Liga e o secretário de Estado do Desporto têm que refletir. O futebol é o negócio do século, diz-se aí. Montantes que circulam hoje ao nível do futebol fazem com que seja uma atividade importante e a contribuição para os impostos é significativa. O que se passou ontem [sábado] no D. Afonso Henriques e na Luz, e o que se passou há duas semanas aqui, no Dragão, vai-se ver ao longo da temporada. É um tipo de resultado que não interessa à modalidade. Ou promovemos o equilíbrio ou então esta desigualdade acaba com o negócio, a curto ou médio prazo. Isto não tem interesse nenhum, tirando os três grandes clubes, são todos carne para canhão", constatou Manuel Machado, na entrevista rápida que se seguiu à derrota do Moreirense com o FC Porto (3-0).

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon